Geralmente quando se fala na Austrália, as pessoas já pensam em um animal ou espécie de planta fora do comum e bem inusitado. O país é famoso por suas peculiaridades.

Na terra dos cangurus e dos recifes de coral, a Austrália aguarda os visitantes com um convite irresistível para explorar seus encantos únicos. 

Este país, que é a maior parte do continente, que abraça desde metrópoles modernas até paisagens selvagens e intocadas, oferece uma jornada extraordinária para aqueles que buscam aventura, cultura e beleza natural. 

Prepare-se para uma imersão completa neste destino excepcional e descubra por que a Austrália é muito mais do que apenas um país, é uma experiência única.

Onde fica a Austrália?

A Austrália fica na região da Oceania, ocupando uma posição única no hemisfério sul. Com uma extensão territorial de aproximadamente 7,7 milhões de quilômetros quadrados, é o sexto maior país do mundo. 

A característica mais proeminente da geografia australiana é o vasto Outback, uma extensa área de planícies áridas, desertos e terrenos acidentados que compõem a maior parte do interior do país.

A Cordilheira Australiana, também conhecida como a Grande Divisória Australiana, percorre a costa leste da Austrália, desempenhando um papel fundamental na divisão das bacias hidrográficas. 

Ao sul do território australiano, a Ilha da Tasmânia acrescenta outra dimensão à geografia do país, com suas paisagens montanhosas, florestas exuberantes e praias isoladas. 

Como chegar à Austrália

Sydney, Melbourne, Brisbane e Perth são algumas das cidades com aeroportos internacionais movimentados, recebendo voos de diversas partes do mundo.

Os voos diretos para a Austrália podem ser longos, dado o considerável afastamento do país em relação a muitos destinos. 

As principais companhias aéreas internacionais, assim como as companhias australianas, oferecem rotas para os aeroportos do país, proporcionando opções para diferentes orçamentos e itinerários.

Muitos viajantes optam por fazer escalas estratégicas em cidades como Singapura, Dubai ou Hong Kong, aproveitando a oportunidade para quebrar a viagem e explorar destinos adicionais.

Qual a melhor época para visitar a Austrália?

Se você optar por viajar entre dezembro e fevereiro, esteja preparado para chuvas, pois é verão na maior parte do país, caracterizado por temperaturas elevadas. 

Por outro lado, durante os meses de junho a agosto, ocorre o inverno australiano, com neve ao sul e dias ensolarados ao norte.

A escolha entre alta e baixa temporada também é um fator relevante. Se você busca uma experiência praiana e não se importa com a presença de muitos turistas, o verão é a época ideal, mas saiba que fica tudo mais caro.

Por outro lado, a baixa temporada, entre os períodos de férias de julho, final do ano, agosto, março e junho, oferece preços mais acessíveis e a vantagem de explorar os pontos turísticos com maior tranquilidade, pois há menos visitantes. 

Austrália no inverno

Ao sul, especialmente nas regiões montanhosas, como os Alpes Australianos, é possível vivenciar a queda de neve. 

As estações de esqui, como Perisher e Thredbo, tornam-se destinos populares para os amantes dos esportes de inverno. 

Em contraste, nas regiões do norte da Austrália, o inverno é caracterizado por dias mais secos e temperaturas agradáveis. 

Cidades como Sydney e Brisbane experimentam invernos suaves, com temperaturas médias variando entre 8°C e 16°C. 

Além disso, o inverno australiano é uma excelente época para observação de baleias ao longo da costa leste, pois muitas espécies migram durante essa estação. 

A Grande Barreira de Coral, embora mais fria, oferece águas cristalinas para mergulhadores e snorkelers que desejam explorar seus recifes de coral deslumbrantes.

Por que ter um seguro de viagem?

É sempre bom ter um seguro de viagem, pois, mesmo nas melhores aventuras, imprevistos podem acontecer, e é aí que a importância dele se destaca. 

O Melhor Seguro, compreende a necessidade de tranquilidade durante suas jornadas, oferecendo razões sólidas para considerar essa proteção essencial.

Um exemplo é uma emergência médica que pode surgir de forma imprevista. Um seguro de viagem abrange despesas médicas, assegurando que você receba o tratamento necessário, independentemente de sua localização no mundo. 

Essa cobertura proporciona tranquilidade, protegendo financeiramente em casos de doenças ou lesões durante a viagem.

Austrália no verão

Durante os meses do verão, muitas partes do país experimentam temperaturas que podem variar de quentes a extremamente quentes, especialmente no interior e nas regiões centrais. 

As praias australianas ganham vida durante o verão, com as águas convidativas do oceano proporcionando o cenário perfeito para atividades como natação, surfe e passeios de barco. 

Locais como Bondi Beach em Sydney e St Kilda Beach em Melbourne, atraem multidões que buscam relaxar sob o sol australiano.

O verão também é marcado por eventos culturais e festivais em todo o país.

É importante mencionar que, devido às altas temperaturas, o verão australiano também pode trazer períodos de seca e incêndios florestais, especialmente em regiões mais áridas.

Pontos turísticos da Austrália

Ao ver as maravilhas australianas, os visitantes ficam fascinados pela riqueza cultural e por uma fauna exótica, tornando cada parada uma experiência única.

Barreira de corais

Barreira de corais

Com mais de 2.300 quilômetros de extensão, o maior sistema de recifes de coral do mundo é uma complexa rede que abrange mais de 2.900 recifes individuais e aproximadamente 900 ilhas.

Esse monumento subaquático é um habitat diversificado, abrigando uma ampla variedade de vida marinha, incluindo várias espécies de peixes, corais, moluscos e outras formas fascinantes de vida.

As águas cristalinas e repletas de vida oferecem uma experiência incomparável de exploração dos recifes, com tartarugas marinhas, tubarões, raias e várias espécies de corais.

Entretanto, a Grande Barreira de Coral enfrenta desafios significativos, como o branqueamento de corais devido às mudanças climáticas e à elevação das temperaturas da água. 

Lago Cor-de-Rosa

Lago Cor-de-Rosa

O Lago Hillier, muitas vezes referido como o “Lago Cor-de-Rosa,” fica na Ilha Middle, uma das ilhas do arquipélago Recherche, na Austrália. O que torna esse lago tão notável é sua coloração dele na tonalidade rosa.

Embora a razão exata para a cor rosa ainda não seja completamente compreendida, a presença de algas e bactérias na água é uma das teorias, sugerindo que esses microorganismos produzem pigmentos que contribuem para a tonalidade rosa.

O Lago Hillier é relativamente pequeno em comparação com outros lagos, medindo cerca de 600 metros de comprimento. Sua água salgada é isolada do oceano por dunas de areia e densa vegetação costeira. 

É importante notar que o acesso a ele é limitado. Visitas geralmente são feitas por meio de voos panorâmicos ou passeios de barco ao redor da Ilha Middle. 

Gold Coast

A Gold Coast, localizada na costa sudeste de Queensland, Austrália, é uma região turística renomada por suas praias deslumbrantes e clima subtropical. 

Com pontos turísticos como Surfers Paradise, Broadbeach e Burleigh Heads, a costa atrai entusiastas do surfe e amantes do estilo de vida ativo. 

Os parques temáticos, como Dreamworld, Sea World e Movie World, destacam-se como atrações familiares, proporcionando entretenimento de classe mundial. 

A natureza é preservada em reservas como o Parque Nacional de Springbrook, oferecendo aos visitantes a chance de explorar cachoeiras espetaculares e uma biodiversidade única.

A linha do horizonte da Gold Coast é marcada por arranha-céus modernos, proporcionando uma paisagem urbana contemporânea. 

Margaret River

Margaret River, no sudoeste da Austrália, é um destino turístico que combina vinícolas de prestígio, paisagens naturais deslumbrantes e uma vibrante cena gastronômica. 

Renomada por suas vinícolas, a região é especializada em vinhos tintos, como o Cabernet Sauvignon, e brancos, como o Chardonnay. 

As praias, como Prevelly e Meelup, oferecem areias douradas e águas cristalinas, enquanto as cavernas calcárias proporcionam explorações subterrâneas intrigantes.

Blue Montains

Blue Montains

As Montanhas Azuis, localizadas a aproximadamente 80 quilômetros a oeste de Sydney. 

O nome “Montanhas Azuis” provém da coloração azulada que a área adquire quando vista de longe, atribuída à dispersão de partículas de luz na atmosfera.

A região é marcada por formações rochosas como as Três Irmãs, que se erguem sobre o Vale Jamison. Além disso, abriga parques nacionais, como o Parque Nacional das Montanhas Azuis.

Além da natureza, os vilarejos, como Katoomba e Leura, proporcionam uma atmosfera acolhedora com galerias de arte, lojas encantadoras e opções gastronômicas.

Townsville

Banhada pelo Mar de Coral, a cidade é reconhecida como um ponto estratégico para explorar a Grande Barreira de Coral, oferecendo aos entusiastas do mergulho e snorkel acesso a alguns dos locais mais espetaculares do mundo. 

O Reef HQ Aquarium, um aquário de recifes de coral vivo em Townsville, proporciona uma experiência envolvente para aqueles que desejam conhecer a rica vida marinha local.

Ela fica bem próxima a Ilha Magnetic, que possui praias intocadas, trilhas para caminhadas e a chance de interagir com coalas no Santuário de Coalas Bungalow Bay.

Os marcos locais também refletem a história e cultura da cidade. O Castelo de Kissing Point e os Jardins Botânicos de Townsville, repletos de flora tropical, oferecem oportunidades para momentos tranquilos e apreciação da natureza. 

A cidade preserva sua rica herança histórica em locais como o Museu Marítimo de Townsville e o Museu do Exército do Norte de Queensland.

Opera House

Opera House

Projetada pelo renomado arquiteto dinamarquês Jørn Utzon, a Ópera foi inaugurada em 1973 e desde então se tornou uma das estruturas mais reconhecíveis e icônicas do mundo.

A arquitetura única da Ópera de Sydney é caracterizada por suas distintas conchas de concreto branco, que se erguem sobre o porto. Essas conchas, inspiradas na forma de uma laranja descascada, é a marca registrada do local.

Além de sua impressionante presença visual, a Ópera de Sydney é um centro cultural de renome, abrigando várias salas de espetáculos, incluindo o Concert Hall, a Opera Theatre, o Drama Theatre e a Playhouse. 

Bondi Beach

A praia é um paraíso para os surfistas, desde iniciantes até os mais experientes, enquanto as atividades na areia incluem jogos de vôlei e sessões de ioga ao ar livre.

A faixa costeira é acompanhada pela movimentada Campbell Parade, repleta de cafés, restaurantes e lojas, refletindo a energia pulsante de Bondi. 

A cultura local é evidente em eventos, galerias de arte e no histórico Bondi Pavilion, que serve como epicentro cultural, oferecendo uma variedade de exposições.

Perth

Perth

Perth é a capital do estado da Austrália Ocidenta. Com um clima ensolarado, paisagens e uma cena cultural, Perth oferece uma qualidade de vida atrativa para seus residentes e visitantes.

O rio Swan serpenteia pela cidade, oferecendo oportunidades para cruzeiros, passeios de barco e uma pitoresca orla.

As praias de Perth, como Cottesloe e Scarborough, são conhecidas por suas areias brancas e águas cristalinas, proporcionando espaços relaxantes para banhos de sol e atividades aquáticas. 

A cidade possui vários locais que demonstram a cultura local, incluindo o Art Gallery of Western Australia, o Western Australian Museum e o Perth Cultural Centre. 

Perth é também um ponto de partida conveniente para explorar as regiões vinícolas de Swan Valley e Margaret River, conhecidas por seus vinhos de alta qualidade. 

Kangaroo Island

Kangaroo Island

A ilha, apelidada de “KI,” é a terceira maior ilha da Austrália e atrai visitantes por conta da sua biodiversidadeDesde leões-marinhos e focas até coalas e cangurus, os visitantes têm a oportunidade de interagir com animais nativos. 

Reservas e parques, como o Seal Bay Conservation Park e o Flinders Chase National Park, oferecem experiências de observação de vida selvagem.

Dicas necessárias para sua viagem 

Seguro de viagem para a Austrália

Para ir a Austrália, não é necessário contratar um seguro de viagem, embora seja altamente recomendado. 

A Austrália tem um sistema de saúde de alta qualidade, mas os custos podem ser substanciais para quem não é residente.

Entretanto, quando se é estudante, muitas instituições educacionais exigem que estudantes internacionais tenham um seguro de saúde para garantir que estejam cobertos em caso de doença ou acidente durante sua estadia no país.

Visto de viagem

Para obter o visto para uma viagem à Austrália é mais simples que para os EUA. É preciso preencher o formulário no site do Departamento de Imigração Australiano, respondendo a perguntas sobre dados pessoais e motivo da viagem. 

Após o preenchimento, pague a taxa de solicitação (aproximadamente 320 reais) online com um cartão de crédito internacional.

Anexe a documentação necessária, como certidão de nascimento, passaporte válido, foto 3×4 e, se aplicável, dispensa do serviço militar. 

Outros documentos, como comprovantes de renda, saúde e matrícula, são recomendados. 

O prazo de processamento é de 10 dias, e após esse período, você receberá uma carta explicativa sobre o visto.

Em caso de dúvidas sobre o tipo de visto adequado, consulte o site de Visto e Imigração do governo australiano.

Confie ao Melhor Seguro sua viagem para a Austrália

Com um compromisso inabalável com a segurança e bem-estar dos viajantes, o Melhor Seguro se destaca como uma escolha confiável para garantir uma jornada sem preocupações.

Ao planejar sua aventura na Austrália, a variedade de opções oferecidas pelo Melhor Seguro se adapta às suas necessidades específicas. 

A facilidade de navegação no site do Melhor Seguro simplifica o processo de obtenção de cobertura, permitindo que você escolha o plano ideal de forma rápida e eficiente. 

Aproveite a Austrália

O que você achou desse texto? Não deixe que imprevistos atrapalhem sua jornada na Austrália e contrate o seu seguro de viagem!

Veja Também: