Luxemburgo surpreende a todos que chegam em seu território, embora seja pouco visitado por turistas. Ele é um dos menores países do continente europeu, mas não se engane, você vai se deslumbrar.

Ao adentrar este país, somos imersos em um cenário que mescla harmoniosamente a arquitetura medieval de seus castelos e muralhas com a modernidade.

Desde os vestígios dos tempos romanos até os resquícios das Grandes Guerras, o país é um testemunho vivo de séculos de narrativas entrelaçadas. 

Onde fica o Luxemburgo?

Luxemburgo fica na Europa Ocidental. Ele faz fronteira com a Bélgica, Alemanha e França. Sua capital é a Cidade do Luxemburgo, que também é um dos principais centros financeiros e culturais do país. 

Seguro viagem para Europa por 7 dias:

Como chegar?

Não existem voos diretos entre Brasil e Luxemburgo, por isso é necessário fazer escalas para chegar no país, quando o país é seu destino final.

Entretanto, existem poucos pacotes de viagem que tenham o país como destino único.  Logo, você desembarca em outras cidades europeias e, a partir daí, utilizar trens para chegar a Luxemburgo.

Clima do país

Luxemburgo possui um clima temperado-oceânico, caracterizado por invernos relativamente frios e verões moderados, com estações bem definidas.

O que fazer no inverno?

Durante o inverno, a neve cobre as paisagens, criando uma atmosfera mágica, especialmente nas áreas mais rurais e nos arredores dos castelos. 

As cidades, como a capital, oferecem mercados de Natal, onde é possível desfrutar de comidas típicas, artesanato local e patinação no gelo. 

Os castelos medievais, como o de Vianden, ganham uma beleza única sob o manto branco da neve, proporcionando oportunidades excepcionais para fotografias.

Luxemburgo no verão

As áreas verdes, como o Parque Kirchberg, tornam-se ideais para tividades ao ar livre no verão.

A região conhecida como Pequena Suíça oferece formações rochosas impressionantes e oportunidades para escaladas.

Além disso, o verão é propício para explorar os diversos jardins e parques, como o Jardim Pétrusse, na cidade do Luxemburgo.

Segurança é essencial

O Melhor Seguro destaca-se como uma plataforma segura e de qualidade no universo dos seguros de viagem, proporcionando aos viajantes várias opções para garantir uma jornada tranquila. 

Com uma interface intuitiva e fácil navegação, o site oferece uma experiência personalizada, permitindo aos usuários selecionar o plano que melhor atende às suas necessidades específicas.

Principais atrações turísticas

Palácio Ducal

O que fazer em Luxemburgo

O Palácio Ducal, localizado na Cidade do Luxemburgo, também conhecido como Palácio Grão-Ducal, é a residência oficial do Grão-Duque, chefe de estado do Luxemburgo.

A sua construção remonta ao século XVI, mas ao longo dos anos, passou por diversas reformas que refletem a arquitetura de diferentes épocas.

Além de ser a residência do Grão-Duque, o Palácio Ducal tem um papel central em eventos oficiais e cerimônias de estado.

Uma característica marcante do Palácio é a cerimônia da Troca da Guarda, um evento militar que atrai visitantes e moradores locais. 

Catedral de Notre Dame

O que fazer em Luxemburgo

A construção da Catedral de Notre-Dame começou no início do século XVII e foi concluída no século seguinte, com uma arquitetura gótica, mas com influência barroca e renascentista também. 

O interior da catedral é cheio de vitrais coloridos, altares, estátuas e afrescos, que adicionam uma dimensão artística à experiência. É nessa igreja que acontecem os casamentos reais e as cerimônias religiosas do Ducado.

Mudam – Museu Dräi Eechelen

O que fazer em Luxemburgo

Este museu de arte contemporânea foi inaugurado em 2006 e está situado na Fortaleza de Luxemburgo, um local histórico que remonta ao século XVII. 

A escolha de incorporar as antigas torres na estrutura moderna do museu cria uma fusão única entre o passado e o presente, representando a evolução cultural e histórica do Luxemburgo.

Castelo de Vianden

O que fazer em Luxemburgo

Localizado na pequena cidade de Vianden, este castelo medieval é um dos destinos mais emblemáticos e visitados do país. Considerando que está próximo à cidade de Luxemburgo (a apenas 50km de distância), é um local propício para uma viagem de um dia de carro.

A construção original foi iniciada pelos Condes de Vianden e foi posteriormente ampliada por diversas gerações, resultando em uma fusão de estilos arquitetônicos ao longo dos séculos.

Corniche

Também conhecida como “Le Chemin de la Corniche”, é frequentemente apelidada de “A mais bela varanda da Europa”. É uma passarela com vista panorâmica do vale do rio Alzette e da parte antiga da cidade, com suas casas coloridas e telhados pitorescos.

A caminhada ao longo da Corniche permite que os visitantes apreciem a arquitetura histórica da Cidade do Luxemburgo, incluindo o Casemates du Bock, uma série de túneis subterrâneos e galerias que testemunham a rica herança militar da cidade.

Ponte Adolfo

A Ponte Adolfo, também conhecida como Pont Adolphe, foi inaugurada em 1903 e leva o nome do Grão-Duque Adolfo, que foi o soberano do Luxemburgo na época da sua construção.

O arco principal, com uma envergadura de 85 metros, se ergue sobre o Rio Pétrusse, criando uma vista espetacular da cidade abaixo. 

Forte Thüngen

O que fazer em Luxemburgo

O Forte Thüngen é parte integrante do complexo defensivo da cidade, conhecido como “Três Torres” (Trois Tours), que inclui também as Torres Vauban e a Torre de Santa Isabel. 

Hoje em dia, o Forte Thüngen abriga o Museu de História da Cidade de Luxemburgo .O museu proporciona uma perspectiva abrangente da evolução histórica da cidade, desde os tempos romanos até a contemporaneidade.

Curiosidades

Qual é a moeda de Luxemburgo?

A moeda usada no país é o euro (EUR). O euro é padrão em 19 dos 27 países membros da União Europeia, incluindo Luxemburgo. 

Desde 2002, o euro substituiu a antiga moeda nacional, o franco luxemburguês, simplificando as transações financeiras e facilitando a integração econômica entre os países da zona do euro.

Idioma de Luxemburgo

Embora o luxemburguês seja a língua nacional, na prática, é frequentemente reservado para formalidades. O francês é amplamente utilizado em contextos administrativos e jornalísticos, enquanto o alemão é predominante na educação e na mídia. 

O inglês também é comum na região e algumas pessoas também falam português, por terem uma descendência portuguesa.

Proteja-se durante sua viagem a Luxemburgo 

Ao planejar sua viagem a Luxemburgo, considere o papel crucial de um seguro de viagem confiável. O site Melhor Seguro surge como um parceiro essencial nesse aspecto, seja protegendo contra despesas médicas inesperadas ou imprevistos durante a viagem.

Com uma equipe pronta para esclarecer dúvidas e oferecer suporte em situações emergenciais, o site se compromete a tornar sua experiência tranquila e segura.

Luxemburgo te espera!

O que você achou do texto? Aproveite que você agora conhece Luxemburgo e planeje-se para uma próxima viagem.

Veja Também: